terça-feira, 11 de agosto de 2015

Amor num lugar estranho

Cada vez que viajo mais, cada vez acho que temos um jeito especial para receber. 
Não somos robóticos no atendimento, numa situação limite sabemos ajudar e resolver rápido uma questão, se vemos alguém perdido estamos logo lá meia dúzia de nós prontos a ajudar, se estamos numa mesa corrida de um restaurante mais cedo ou mais tarde vamos saber tudo da vida daqueles estrangeiros e vamos explicar TUDO o que devem visitar.
E vamos sorrir. E acarinhar. E abraçar. E beijar. 
E querer que nos amem.


5 comentários:

  1. Deves ser um bom anfitrião ... ainda vou testar isto ... rs

    ResponderEliminar
  2. E quando eles são muito parvos, em vez de os mandar mos à merda, colocamos um sorriso amarelo... Lolol

    ResponderEliminar
  3. Disse-me um Sueco agora em setembro, em Estocolmo: os portugueses são de longe, mais simpáticos que os espanhóis".

    ResponderEliminar

10 Anos

A caminhar juntos.