terça-feira, 5 de julho de 2016

Progresso

Aqui o parvónio suburbano, foi ao Meco no Domingo.
Tirando as horas no trânsito e relembrar-me porque não vou à Praia do Meco - o Mar!!, o parvónio ficou estupefacto com esta aldeia tão progessista.
Gays, Heteros, Lésbicas, animais estranhos e raros, tudo convivia.
Era ver casais gays de mão dada a saírem do supermercado a caminho de casa para prepararem a sua saladinha de grelos, era ver lésbicas aos beijinhos no restaurante enquanto saboreavam umas punhetas de bacalhau, era ver a dona da tasca mais bas fond a conviver com o sexagenário trans do Martim Moniz.
Gostei.
Muito.







3 comentários:

Éden

Fiquei sem fôlego ao ver esta curta tão delicada. Não só pela beleza do filme, mas porque há muitos muitos anos atrás, numa madrugada d...