quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Wanderlust

Vi este desafio aqui e gostei.
Aqui vão as minhas respostas:

1. Quando e pra onde ia o seu primeiro avião?

Barcelona. Éramos três amigos na faculdade, e decidimos ir até ao destino mais barato por uma semana. Fomos à Tagus Viagens - ainda existe?? - comprámos bilhetes e zarpámos. Foi memorável.


2. Pra onde você já foi e gostaria de voltar?

A primeira resposta seria o Japão. Mas como foi em Abril que lá estive, vou responder Costa Leste dos EUA.  E pela énesima vez Berlim, Londres, Istambul.



3. Vocês está viajando amanhã sem problemas de dinheiro? Onde iria?

O mais longe possível. Nova Zelândia e Austrália.


4. Método preferido de viagens: avião, carro, comboio?

Ora bem...amo aeroportos, mas odeio aviões. Borro-me todo na descolagem.
Carro alugo sempre que posso. Gosto de descobrir lugares para além das cidades destino de aeroporto.
Comboio é tão bom e tranquilizante.
Mas...voto nos aviões. Levam-me mais longe.



5. Site preferido de viagens?
Não tenho...pisco aqui e ali. Compro livros e a net é um mundo.
E os amigos que já viajaram todos pelo mundo.
Ah e gosto desta bicharoca das viagens.


6. Para onde vocês viajaria só para comer comida local?

Japão, Turquia, Itália, Tailândia....haja estômago.
(E de Norte a Sul de Portugal!!!)

(Os panzerotti do Luini.....aiiiiiii)


7. Sabe número de passaporte de cabeça?

Já sei muitos números de cabeça e já me chega.


8. Prefere lugar coxia, meio, janela?

Janela claro. Para cuscar!!!


9. Como passa tempo no avião?

Nos longos, tomo um Dormicum e arrocho o voo inteiro.
Nos curtos, leio leio leio.


10. Existe algum lugar para onde você nunca mais voltaria?

Não, isso é demasiado drástico. O meu verbo é ir!!

2 comentários:

  1. Amei ... quase tudo igual a mim ... só que bem menos rodado ... meu sonho de consumo: Berlim, Londres, Istambul.

    Beijão

    ResponderEliminar
  2. Gostei, mas sou muito modesto!!!!
    kkk

    ResponderEliminar

Éden

Fiquei sem fôlego ao ver esta curta tão delicada. Não só pela beleza do filme, mas porque há muitos muitos anos atrás, numa madrugada d...