terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Tão certinhos que nós somos

Neste momento oiço a empregada a dar-nos os Parabéns por nos sentarmos na sanita para fazer chichi. 
Fazer chichi sentado foi algo que descobri apenas quando comecei a viver sozinho.
Certo dia, vivia eu há uns dias com um ex-namorado, e eis que vejo-o sentado na sanita a fazer chichi. 





Um mundo novo abriu-se perante os meus olhos, e pensei que tinha descoberto a pólvora.
Nunca fui rapaz que tivesse muito jeito para a pontaria por maior que a sanita fosse, umas vezes sacudia pouco e molhava as cuecas, outras sacudia muito e o espicho ia parar a casa da vizinha. Sempre pensei como é que os outros fazem? Como fazem de manhã, quando estão com o tesão do mijo? Colocam-se de joelhos e apontam a pila dura para a sanita? Tudo era uma gigante incógnita para mim...





5 comentários: